WILSON LINS LEITOR DE NIETZSCHE: PENSAR O HOMEM A PARTIR DE SUA PRÓPRIA CONDIÇÃO

Rafael Almeida, Roberto Sávio Rosa

Resumo


O artigo desenvolvido pretende demonstrar que o escritor baiano Wilson Lins desvela Nietzsche tal como este buscou ler os moralistas franceses: uma tentativa de se libertar dos fundamentos idealistas vinculados ao homem, e pensá-lo a partir de sua própria condição, a partir de seu próprio contexto. O "homem de elementos ideais" do qual Nietzsche procurava rejeitar, é, no caso de Lins, o enigma brasileiro que, por ter se emaranhado pelo amálgama cultural europeu, perdeu-se a si mesmo. Pensar o homem a partir de sua própria condição, significa, em Lins, pensá-lo dentro de sua condição de "estar-brasileiro".

Palavras-chave


Nietzsche; Wilson Lins. Moralistas franceses. Condição humana. ESPÍRITO LIVRE.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Universidade Estadual do Ceará - UECE

Centro de Humanidades - CH

Curso de Graduação em Filosofia                                   

Occursus - Revista de Filosofia

ISSN: 2526-3676

Qualis B3


APOIO: